Acorde, minha alma!

Acordem, harpa e lira!
Vou despertar a alvorada!