Os sacerdotes começam o seu ministério

1Oito dias depois, Moisés convocou Arão, seus filhos e as autoridades de Israel.

2E disse a Arão: "Traga um bezerro para a ofer­ta pelo pecado e um carneiro para o holocausto, ambos sem defeito, e apresente-os ao Senhor.

3Depois diga aos israelitas: Tragam um bode para oferta pelo pecado; um bezerro e um cor­deiro, ambos de um ano de idade e sem defeito, para holocausto;

4e um boi e um carneiro para oferta de comunhão, para os sacrificar perante o Senhor, com a oferta de cereal amassada com óleo; pois hoje o Senhor apare­cerá a vocês".

5Levaram então tudo o que Moisés tinha de­terminado para a frente da Tenda do Encontro, e a comunidade inteira aproximou-se e ficou em pé perante o Senhor.

6Disse-lhes Moisés: "Foi isso que o Senhor ordenou que façam, para que a glória do Senhor apareça a vocês".

7Disse Moisés a Arão: "Venha até o altar e ofereça o seu sacrifício pelo pecado e o seu holocausto, e faça propiciação por você mesmo e pelo povo; ofereça o sacrifício pelo povo e faça propiciação por ele, conforme o Senhor ordenou".

8Arão foi até o altar e ofereceu o bezerro como sacrifício pelo pecado por si mesmo.

9Se­us filhos levaram-lhe o sangue, e ele molhou o dedo no sangue e o pôs nas pontas do altar; depois derramou o restante do sangue na base do altar,

10onde queimou a gordura, os rins e o lóbulo do fígado da oferta pelo pecado, confor­me o Senhor tinha ordenado a Moisés;

11a car­ne e o couro, porém, queimou fora do acampa­mento.

12Depois sacrificou o holocausto. Seus filhos lhe entregaram o sangue, e ele o derra­mou nos lados do altar.

13Entregaram-lhe, em seguida, o holocausto pedaço por pedaço, inclu­sive a cabeça, e ele os queimou no altar.

14La­vou as vísceras e as pernas e as queimou em cima do holocausto sobre o altar.

15Depois Arão apresentou a oferta pelo povo. Pegou o bode para a oferta pelo pecado do povo e o ofereceu como sacrifício pelo peca­do, como fizera com o primeiro.

16Apresentou o holocausto e ofereceu-o conforme fora prescrito.

17Também apresentou a oferta de cereal, pegou um punhado dela e a queimou no altar, além do holocausto da ma­nhã.

18Matou o boi e o carneiro como sacrifí­cio de comunhão pelo povo. Seus filhos levaram-lhe o sangue, e ele o derramou nos lados do altar.

19Mas as porções de gordura do boi e do carneiro, a cauda gorda, a gordura que cobre as vísceras, os rins e o lóbulo do fígado,

20puseram em cima do peito; e Arão queimou essas porções no altar.

21Em seguida, Arão moveu o peito e a coxa direita do animal perante o Senhor como gesto ritual de apresentação, conforme Moisés tinha ordenado.

22Depois Arão ergueu as mãos em dire­ção ao povo e o abençoou. E, tendo oferecido o sacrifício pelo pecado, o holocausto e o sacrifí­cio de comunhão, desceu.

23Assim Moisés e Arão entraram na Ten­da do Encontro. Quando saíram, abençoaram o povo; e a glória do Senhor apareceu a todos eles.

24Saiu fogo da presença do Senhor e consumiu o holocausto e as porções de gordura sobre o altar. E, quando todo o povo viu isso, gritou de alegria e prostrou-se com o rosto em terra.


    2     3    4

 5     6     7    8

 9    10   11   12  

13   14   15   16  

17   18   19   20    

21   22   23   24    

25   26    27